search
BlogArtigos

Tecnologia na gestão de pessoas: 5 motivos para...

Tecnologia na gestão de pessoas: 5 motivos para aplicá-la ao setor

Atualizado em 19 de maio de 22 | Artigos  por

Carolina Erreira

Nos últimos tempos, a tecnologia na gestão de pessoas tem se tornado cada vez mais essencial para o desenvolvimento de um trabalho moderno e atualizado.

Ao pensarmos no futuro da área de recursos humanos, precisamos pensar também em inovação. Isso porque o uso da tecnologia aliada às metas da organização pode gerar melhores resultados, sem que haja um aumento no custo.

Desde que alinhada a uma estratégia bem desenvolvida, soluções tecnológicas podem auxiliar no fortalecimento da cultura e no desenvolvimento dos maiores bens de uma empresa: as pessoas.

Assim, o principal impacto das novas tecnologias está no uso de softwares que, de forma automatizada, libera os profissionais de gestão de pessoas para desafios maiores, como focar em estratégias.

Quer saber como a tecnologia pode auxiliar nas atividades do RH e quais os benefícios do uso de softwares de gestão? Continue a leitura até o final!

O RH 4.0 e as vantagens de usar tecnologia na gestão de pessoas

Sabemos que as inovações proporcionadas pelas novas tecnologias têm nos levado para uma quarta revolução industrial. As mudanças são inevitáveis para todos os setores, e com Recursos Humanos não seria diferente.

O RH 4.0 é a evolução da área, na qual os processos passam por melhorias baseadas na aplicação de softwares e o impacto positivo das inovações indica uma mudança de mentalidade.

Isso significa que há uma otimização da gestão e os processos tornam-se mais estratégicos e focados nos objetivos do negócio. As funções passam a ser automatizadas e há um ganho de tempo que permite dedicar-se às pessoas.

Ainda sobre os impactos das inovações, a principal vantagem que podemos citar do uso da tecnologia na gestão de pessoas é o ganho de eficiência. Isso porque os colaboradores tornam-se mais independentes e as atividades operacionais de RH, que demandam tempo da equipe, passam a ser simplificadas.

Dentre os impactos positivos do uso de softwares na gestão de pessoas, destacam-se:

  • Processos otimizados;
  • Redução de erros;
  • Redução do trabalho manual;
  • Redução de custos com materiais, como papel;
  • Facilidade para a tomada de decisão de gestores e analistas;
  • Ampliação do poder estratégico na gestão de pessoas;
  • Possibilidades de inovação na área;
  • Possibilidade de atrair e reter os melhores talentos do mercado;
  • Aumento da produtividade.

A seguir, vamos conferir quais são os processos que podem ser otimizados a partir do uso da tecnologia no setor de RH.

De que forma a tecnologia ajuda na gestão de pessoas?

1. Automatização de processos

A implementação de tecnologias de automação libera os profissionais de RH de uma grande quantidade de trabalho rotineiro e monótono que demanda tempo para o uso de sistemas que automatizam o trabalho que antes era manual.

O uso de softwares de automação permite agilizar e facilitar tarefas como pagamentos, seleção de currículos, controle de treinamentos, gestão de desempenho, de documentos, de benefícios, de pedidos de férias, etc.

Utilizando sistemas que realizam tarefas burocráticas, é possível reduzir custos de operação e aumentar a produtividade, tornando o RH mais eficiente.

2. Descentralização de informações

A descentralização de informações é uma das características do RH 4.0. Trata-se da transferência das atribuições que antes eram exclusivas do RH e passam a ser distribuídas entre os demais gestores e colaboradores, dando mais autonomia.

Por meio do uso de ferramentas tecnológicas, é possível reduzir a dependência do departamento para diversas consultas e processos. Dessa forma, gestores de diferentes áreas passam a ter acesso sobre dados relevantes de sua equipe, otimizando a tomada de decisão estratégica.

Além disso, o acesso a esses recursos dão mais autonomia ao próprio colaborador, que pode realizar atividades como editar informações pessoais, consultar a folha de pagamento, receber documentos, investir no próprio treinamento, gerir sua avaliação de desempenho, dentre outras tarefas.

3. Desenvolvimento de pessoas

O uso de tecnologia nos processos de desenvolvimento de pessoas trouxe resultados de alta performance para as equipes, isso porque os softwares tornam a tarefa de analisar os dados de desempenho dos colaboradores mais simples e eficiente.

As empresas têm critérios que precisam ser cumpridos para saber se os funcionários estão alcançando seus objetivos, e aí entram os aplicativos para monitorar o desempenho, permitindo um acompanhamento detalhado desde o momento da contratação até o momento das avaliações periódicas.

Outro recurso que a tecnologia fornece para o desenvolvimento humano são as universidades corporativas, onde é possível oferecer materiais de qualidade e fácil acesso, reduzindo o custo de operações e tornando simples o acompanhamento por parte do RH.

4. Recrutamento e seleção

É de conhecimento da maioria dos profissionais que o processo de recrutamento e seleção é no mínimo demorado e custoso. Felizmente, com o uso da tecnologia é possível tornar essa tarefa menos extensa e trabalhosa.

Por meio de softwares que utilizam a Inteligência Artificial (I.A.), é possível facilitar o início de processos seletivos, quando há triagem manual de currículos e um grande número de aplicantes.

Essas ferramentas possuem rastreadores automatizados que detectam habilidades e fazem a leitura automática de currículos, de forma que é capaz de ranquear candidatos com maior aderência a determinadas vagas.

O ganho de tempo na seleção de candidatos possibilita ao recrutador dar foco na análise comportamental e de fit cultural, tornando as etapas de tomada de decisão mais rápidas.

Outro benefício do uso da I.A. no recrutamento é a possibilidade de ignorar informações demográficas, como gênero, raça e idade, de forma a não enviesar o processo de contratação e garantir a oportunidade de conseguir candidatos com mais diversidade.

5. Checagem de colaboradores

Também conhecida como background check, a checagem de antecedentes é um processo muito utilizado no recrutamento de novos colaboradores. Essa verificação permite que a empresa identifique riscos antes de realizar uma contratação.

Para garantir que a companhia não se envolva com pessoas que podem trazer problemas, é feita a investigação de antecedentes dos indivíduos que envolvem o negócio, como colaboradores.

Muito utilizada pelas empresas, a checagem de colaboradores verifica dados como antecedentes criminais, processos judiciais, pendências financeiras, conflitos de interesses, dentre outras informações que podem trazer riscos reputacionais e financeiros.

O envolvimento com esse tipo de situação pode acarretar perdas para as empresas, como gastos com novas contratações e ocorrências de processos trabalhistas, por exemplo.

Contudo, esse processo pode ser muito trabalhoso se realizado manualmente. É necessário acessar diversos sites para obter as informações necessárias para uma investigação completa.

Com o uso da tecnologia de uma ferramenta de background check, é possível ganhar tempo e reduzir o custo das investigações de terceiros, automatizando o processo de coleta de informações.

Conheça também: checklist de background check para RH

upMiner: sua ferramenta de background check

Utilizada por mais de 500 empresas, a plataforma upMiner é um software de mineração de dados que automatiza a investigação de pessoas físicas e jurídicas com apenas o número de CPF, nome, CNPJ ou razão social.

As buscas são feitas em tempo real em mais de 1.900 fontes de informações disponíveis para consulta e a ferramenta gera relatórios estruturados que permitem uma análise e tomada de decisão mais rápidas e eficientes.

Quer saber como o upMiner pode ser a ferramenta certa para o seu processo de checagem de colaboradores?

Solicite um teste gratuito hoje mesmo! Preencha o formulário abaixo para falar com um especialista.

Fale com um especialista