Solicite um teste

Setembro Amarelo: o papel das empresas no bem-estar dos colaboradores

11 SET 2021

11 SET. 2021 / por Rômullo Martins

Setembro amarelo é o mês da campanha sobre conscientização e prevenção ao suicídio. 

Apesar de parecer um pouco distante quando falamos no mundo dos negócios, veremos que as organizações também possuem um papel fundamental no combate às situações que podem levar a esse problema. 

Neste artigo, falaremos mais sobre este assunto e a atuação da área de compliance em relação ao clima organizacional da empresa.

Transtornos mentais relacionados ao trabalho 

Se formos parar para pensar, passamos grande parte das nossas vidas trabalhando. São muitas horas diárias dedicadas e, sem dúvidas, o ambiente no qual realizamos as nossas atividades faz total diferença para a nossa saúde física e mental. 

Os números evidenciam bem essa situação. Com base em dados da Organização Mundial da Saúde (OMS), em dez anos, as notificações de transtornos mentais relacionados ao trabalho passaram de 122 para 8.621. 

Ou seja, é um problema que tem acontecido cada vez com mais frequência dentro das empresas, o que faz o tema setembro amarelo ser tão importante neste meio.

Alguns fatores que contribuem para essa situação

Dentre as diversas possibilidades que podem levar ao desenvolvimento de algum transtorno no ambiente de trabalho, como abordado anteriormente, pode-se citar a questão do assédio. 

Algumas brincadeiras que são aparentemente inocentes podem afetar diretamente o bem-estar de um colaborador, independente do seu tempo de empresa ou nível hierárquico.

Contudo, nem sempre essas situações são fáceis de serem identificadas, diferentemente de uma cena de bullying por exemplo. 

As campanhas de setembro amarelo vêm justamente para abordar estes pontos que às vezes acabam passando despercebidos.

Entretanto, a empresa precisa estar preparada para lidar com essas adversidades antes que se tornem mais graves.

A área de compliance e o engajamento com o setembro amarelo

Neste contexto, é imprescindível dizer que a área de compliance tem uma função especial na disseminação de boas práticas e conduta dentro da empresa. 

Embora esteja constantemente relacionada com ações como prevenção a fraudes e conflitos de interesse, por exemplo, a área abrange muitos outros aspectos, como neste caso o clima organizacional da instituição. 

Além de um ambiente ético e transparente, o compliance deve proporcionar normas e políticas bem estabelecidas que orientem colaboradores, fornecedores, terceiros e demais parceiros de negócios de como devem agir, seguindo os valores da organização.

Dessa forma, é possível identificar problemas de conduta e situações no dia a dia que possam comprometer a saúde de um indivíduo. 

É preciso treinar e investir em campanhas durante todo o ano 

Setembro amarelo é uma das datas sazonais importantes que devem ser abordadas no local de trabalho, mas existem outras que também devem fazer parte desse cronograma. 

O ciclo de treinamentos e campanhas devem ser contínuas, a fim de conscientizar todos. 

O exemplo começa de cima

Dificilmente um colaborador vai conseguir trazer esses temas para a empresa trabalhar, por essa razão o exemplo deve começar da alta direção. 

Além de ser uma causa muito importante, ações como essas trazem diversos benefícios, como:

  • Ambiente mais acolhedor;
  • Profissionais mais satisfeitos;
  • Maior possibilidade de retenção e atração de talentos;
  • Entre outros.

Conclusão 

Independente da empresa, do seu tamanho, da sua área de atuação, ou qualquer outra circunstância, é preciso lembrar que toda organização é composta por pessoas. 

Cuidar da saúde física e mental dos colaboradores e demais envolvidos com a empresa, além de ser uma causa nobre, traz inúmeros benefícios para ambas as partes.


Comments

Share on activity feed

Powered by WP LinkPress