Solicite um teste

O desafio de lidar com operações fraudulentas

21 JAN 2019
21 JAN. 2019 / por adminuplexis

Com a alta incidência de crimes fraudulentos no Brasil é imprescindível agirmos de modo organizado e centralizado, para tratarmos da melhor maneira possivel os dados que possuímos.

De janeiro a agosto de 2018, foram mapeados 920 mil golpes de fraude na internet, praticamente 4 golpes por minuto.

Essa história se repete ao redor do mundo, de acordo com uma pesquisa Experian do “Report de Fraudes Globais 2018”, 33% das empresas passaram por fraude no último ano e sentiram o aumento desse nível em relação ao ano anterior, enquanto que 30% sentiram que esse nível é o mesmo que do ano anterior.

A grande maioria dessas fraudes é relacionada ao cyber ambiente, tornando nossos smartphones, tablets e computadores nossos maiores inimigos.

Nós, como empresas, que lidamos e possuímos esses dados devemos cuidar dessas informações da forma mais segura possível, uma vez que o vazamento destas informações podem trazer uma má reputação para nós.

As oportunidades para os fraudadores só crescem, os bancos agora operam em modo 24/7, uma vez que pagamentos e transferências podem ser feitos rapidamente na palma de nossas mãos.

Mas para empresas as oportunidades de combater essas ações também são crescentes e baseadas em detecção, prevenção e investigação.

A operação contra fraude tende a ser mais forte em setores que lidam com maior número de dados, como Varejo, Banco e empresas de Software.

Isso acontece porque esses setores lidam com dados diariamente para efetuarem as transações comerciais e no Brasil a autenticação destas compras é muito simples, tornando esse ambiente extremamente suscetível a ataques.

Este preparo do ambiente deve partir da empresa detentora dos dados, ainda mais na iminência do LGPD.

Quer entender um pouco mais como se proteger de fraudes e proteger seus clientes de fraudadores?

Solicite uma demonstração de nossa plataforma upMiner para sua empresa!


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.