Solicite um teste

Know Your Supplier (KYS): as listas restritivas para análise de riscos

23 FEV 2021

23 FEV. 2021 / por Rômullo Martins

Entenda o que são listas restritivas, a sua importância e como consultá-las no processo KYS

Know Your Supplier (KYC) ou Conheça Seu Fornecedor, em português, é um processo de investigação que possui o intuito de assegurar a idoneidade de todas as relações entre empresas e seus fornecedores. A partir deste contexto, será abordado neste artigo a importância das buscas nas listas restritivas.

Além da Receita Federal

Com um mundo cada vez mais globalizado e o aumento da concorrência em diversos setores, hoje existem diversas empresas que realizam o mesmo serviço e estão no mercado em busca de potenciais clientes.

No entanto, para escolher e avaliar tais fornecedores, apenas basear-se em consultas simples como a situação na Receita Federal e dados cadastrais, não é mais o suficiente para garantir a segurança entre essa relação.

É evidente que essa informação também é extremamente importante e deve ser levada em consideração quando se faz uma checagem. Mas, as empresas precisam garantir que tudo está em conformidade tanto interna quanto externamente, ou seja, é imprescindível verificar se as organizações e pessoas com quais se relacionam também estão agindo desta mesma forma. 

Aumento de casos de corrupção

Com o aumento do número de fraudes e casos de corrupção nos últimos anos, gestores estão tendo que buscar ferramentas e alternativas para garantir, de alguma forma, mais transparência e idoneidade em suas relações comerciais. 

Ao contrário do que se imagina, a preocupação não é somente na questão financeira. Além deste prejuízo, evidentemente, ter a marca atrelada a mídias negativas e situações fraudulentas pode também ocasionar em uma grande perda de credibilidade no mercado.

Então, munir-se de informações mais detalhadas e baseadas em dados é uma das alternativas para evitar possíveis situações de riscos.

Listas restritivas

Nesse sentido que entram as watchlist. Criadas por órgãos nacionais e internacionais, essas listas mantém informações de pessoas físicas e jurídicas que foram associadas, comprovadamente, a crimes como lavagem de dinheiro, financiamento ao terrorismo, trabalho análogo à escravidão, entre outros. Também registram aqueles(as) que possuem algum tipo de embargo comercial e econômico.

Ou seja, são informações importantíssimas para análise de risco e prevenção à fraudes, pois dessa maneira, antes de contratar um fornecedor, por exemplo, a organização pode realizar essa consulta e ter em mãos mais uma garantia de que tudo está em conformidade e que aquela relação não está sujeita a problemas futuros. 

Tipos de listas restritivas 

Existem diversas watchlist, como por exemplo:

  • Cadastro Nacional de Empresas Inidôneas e Suspensas (CEIS)

Essa lista apresenta a relação de empresas e pessoas físicas que sofreram sanções que implicaram a restrição de participar de licitações ou de realizar contratos com a Administração Pública.

  • Transparência sobre Trabalho Escravo

Também conhecida como “Lista suja”, é um relatório publicado pelo Governo Federal que atualiza o Cadastro de Empregadores que tenham submetido trabalhadores a condições análogas à de escravo.

  • Office of Foreign Assets Control (OFAC)

Base de dados norte-americana contendo a Lista de Pessoas e Empresas procuradas internacionalmente.

  • Transparência Brasil

 Apresenta a relação de empresas que sofreram qualquer uma das punições previstas na Lei Anticorrupção. 

Como consultar

As consultas podem ser realizadas através da internet, acessando o site de interesse. A pesquisa é realizada através do nome, CPF ou CNPJ (dependendo da lista) de forma manual.

Existem também soluções que automatizam essas buscas, por exemplo a plataforma upMiner.

Além de consultar as listas restritivas, a plataforma oferece mais de 1.900 fontes de consultas que proporcionam às empresas dados confiáveis e atualizados.

Conclusão

Antes de contratar um novo fornecedor é fundamental que seja feita uma investigação a fim de verificar a integridade e a idoneidade desta relação. A busca em listas restritivas é mais uma fonte a favor das organizações no processo de checagem e mitigação de riscos. Ao complementar essa busca com uma plataforma, é possível garantir ainda mais segurança.

Quer saber mais benefícios de se consultar pessoas jurídicas? Então baixe o nosso e-book gratuitamente no link abaixo!


Comments

Share on activity feed

Powered by WP LinkPress