Solicite um teste

Indústria Automotiva: o compliance na gestão de fornecedores

02 FEV 2021

02 FEV. 2021 / por Rômullo Martins

Entenda qual é a importância do compliance na gestão de fornecedores dentro da indústria automotiva

É evidente que fazer a gestão de fornecedores é uma prática que deveria ser aplicada por todas as empresas. Desde um pequeno comércio até uma grande indústria, saber com quem está se relacionando é fundamental para evitar problemas futuros.

Quando se trata da indústria automotiva, essa gestão se torna praticamente indispensável. 

Pensando na produção de veículos, por exemplo, pode-se perceber que ali são empregadas centenas de peças e componentes até que se chegue ao produto final. No entanto, muitos desses insumos não são produzidos pela própria pela própria empresa, ou seja, faz-se necessário a aquisição dos mesmos através de diversos fornecedores.

Logo, uma boa gestão desses fornecedores pode fazer total diferença para as montadoras na hora de produzir sua nova frota de veículos.

Protocolos de Segurança

Por se tratar de meios de transportes, a indústria automotiva precisa seguir os mais rígidos padrões de qualidade, realizando diversos testes com seus automóveis antes de disponibilizá-los ao mercado, garantindo dessa forma a segurança dos seus futuros clientes. 

Ainda assim, acontece do produto ser lançado e só depois os fabricantes identificarem algum problema. Quando isso ocorre, é preciso fazer um recall e reparar imediatamente todos os defeitos encontrados.

De acordo com o Denatran – Departamento Nacional de Trânsito (2020), existem cerca de 10 milhões de recalls registrados no Brasil. Destes chamados, somente 43% são atendidos pelos proprietários dos veículos.

Isso geralmente acontece por algum defeito de fábrica, o que complementa ainda mais a importância das peças e dos fornecedores envolvidos na produção.

Legitimidade das peças

Analisando este contexto, pode-se compreender que utilizar somente produtos originais e com garantia é fundamental para a indústria, pois dessa maneira a empresa pode se certificar que está entregando um produto de qualidade e seguindo critérios rigorosos. 

Grupo Renault testa projeto de blockchain para ir mais longe na certificação de conformidade de veículos

Tendo esse entendimento, em setembro de 2020 o Grupo Renault desenvolveu o projeto blockchain XCEED (eXtended Compliance End to End Distributed), cujo objetivo é certificar a conformidade de todos os componentes de um veículo, desde o design até a produção.

Certificando-se que tudo está em conformidade em todas as etapas do processo de fabricação, as chances de erros e situações de riscos diminuem bastante.

Portanto, investigar todos os fornecedores se torna essencial para garantir que a empresa esteja recebendo de fato os produtos legítimos e certificados.

O compliance na gestão de fornecedores

Imagine constatar que as peças adquiridas pela empresa são na verdade falsificadas? É nesse ponto que entra o compliance.

Como é de conhecimento, um programa estruturado de compliance tem como objetivo, proporcionar para a empresa mais transparência em seus processos, garantir o cumprimento de normas e leis, assim como identificar, prevenir e punir quaisquer atos ilícitos.

Isso engloba desde uma mudança de cultura na empresa, como a criação de um Código de Conduta Ética, até Canais de Denúncias com o intuito de mitigar riscos.

Dentre as diversas práticas existentes no programa, quando se fala em gestão de fornecedores, realizar uma due diligence é imprescindível. 

Antes de se firmar uma relação comercial, realizar uma investigação prévia pode fazer total diferença para a empresa. 

Informações a serem checadas

Existem diversas informações que podem ser utilizadas como critério de avaliação para a escolha ou não de um fornecedor, cabe a cada empresa analisar individualmente o grau de risco que aquela relação pode oferecer.

Alguns exemplos de informações a serem analisadas:

  • A situação na Receita Federal;
  • A existência de processos judiciais; 
  • Mídias negativas;
  • Dívidas;
  • Quadro societário;
  • Pessoas e empresas relacionadas; 
  • Entre outras.

Com dados em mãos, a empresa consegue ter uma visão mais ampla e tomar decisões mais assertivas.

Como a upLexis ajuda as indústrias

Quando se trata de buscar informações de pessoas físicas e jurídicas, a upLexis é referência no mercado. Através da plataforma upMiner, esse processo pode ser feito em poucos minutos. 

Utilizando mineração de dados, a solução vai em tempo real nas fontes de interesse do usuário e coleta as informações, organizando-as em relatórios estruturados de fácil leitura e análise. 

Com um número de CPF ou CNPJ, pode-se escolher entre as mais de 1.900 fontes disponíveis e fazer uma investigação detalhada acerca de um novo fornecedor, colaborador, parceiro de negócio, investidor, ou qualquer outra relação comercial.

Monitore e previna riscos

O upMiner também pode ser utilizado para monitorar aqueles que já fazem parte da organização, com a funcionalidade de gerar um novo relatório (dossiê) em um tempo pré-determinado pelo responsável.

Desta maneira, caso seja constatado um novo processo judicial ou uma nova mídia negativa de um fornecedor, por exemplo, a organização terá em mãos essas informações para tomar as devidas providências.

Pode-se concluir então que o compliance é importantíssimo não só na gestão de fornecedores, mas também de todos as pessoas e empresas relacionadas, trazendo mais segurança e transparência entre essas relações.

Clique aqui e teste gratuitamente a plataforma para conhecer na prática como a solução pode proporcionar redução de tempo, custos e aumentar a produtividade da sua empresa.


Comments

Share on activity feed

Powered by WP LinkPress