Solicite um teste

Gestão de Riscos: o que é e como aprimorar este processo?

04 NOV 2021

04 NOV. 2021 / por Rômullo Martins

Desde empresas novas no mercado até empreendimentos já consolidados, é fato que todos os negócios estão sujeitos a algum tipo de ameaça. Seja por fatores internos ou externos, em ambos os casos é preciso pensar na gestão de riscos. 

Neste artigo, falaremos melhor sobre este tema e como aprimorá-lo. 

A importância de ações preventivas

Imagine receber uma multa porque a empresa não está pagando os impostos como deveria?

Essa situação pode parecer atípica, porém é mais comum do que parece. De acordo com um artigo publicado pela Demarest, “o sistema tributário brasileiro é complexo e pouco amigável”. 

Ou seja, por mais que não tenha sido a intenção do empreendedor, essa situação pode acontecer e ainda gerar grandes prejuízos. Além da questão financeira, já abordada, os relacionamentos corporativos também podem ser comprometidos, afinal, este tipo de pendência é um impeditivo para participar de licitações e até mesmo fechar parcerias.

Entretanto, problemas como estes podem ser evitados ao adotar ações preventivas. É aí que entra a gestão de riscos.

O que significa essa gestão de riscos?

Em resumo, se tratam de medidas que uma organização pode tomar para mapear situações e processos que podem trazer prejuízos a ela mesma.

Aplicando esse conceito ao exemplo citado anteriormente, se a empresa tivesse identificado a dificuldade em administrar as questões tributárias, ela poderia ter focado em ações preventivas, como por exemplo, contratar mais especialistas para cuidar destes aspectos.

Assim, esse problema poderia ter sido evitado. Note que além de mapear as situações, é preciso criar estratégias para evitar as adversidades antes que elas aconteçam.

Por que essas medidas são tão importantes?

Apesar das práticas preventivas serem ótimas ferramentas para empresa, ainda sim situações que fogem do controle podem acontecer. 

Um bom exemplo disso é a pandemia causada pelo coronavírus. Esse acontecimento acabou pegando todos de surpresa. 

A gestão de riscos contribui para que a empresa consiga se projetar no futuro em diferentes cenários, assim é possível pensar em atitudes que podem ser tomadas em caso de uma crise como essa. 

Além disso, traz benefícios como maior segurança, redução de custos e uma operação mais eficiente. 

Como aprimorar a gestão de riscos?

Uma das maneiras é investindo em compliance.

Estar em conformidade com normas, leis e regulamentos é essencial para qualquer negócio. O compliance vem justamente para garantir que a empresa esteja cumprindo essas obrigações. 

Muito além de prevenir fraudes e corrupção, como normalmente está associado, o compliance atua diretamente em questões trabalhistas, fiscais, tributárias, ambientais, entre muitos outros.

Uma empresa que investe em compliance, além de prevenir riscos, também conquista um diferencial no mercado, pois passa uma mensagem de integridade e transparência.

Conclusão

A gestão de riscos é importante para ter uma visão ampla do negócio e conseguir evitar problemas antes que eles aconteçam. Com ações preventivas é possível ter mais previsibilidade e gerir o negócio com mais segurança.

Saiba mais sobre compliance

Veja em mais detalhes como o compliance pode contribuir para os processos da sua empresa. Clique no banner abaixo e receba o nosso e-book gratuitamente. 

Banner E-book Desenvolva o Compliance na sua Organização


Comments

Share on activity feed

Powered by WP LinkPress