Solicite um teste
+55 (11) 3094–7444 pt en

5 dicas para melhorar seu processo de PLD

21 JUN 2017

21 JUN. 2017 / por adminuplexis

Falar sobre lavagem de dinheiro no Brasil não é uma tarefa fácil. Diante deste fato, muitas empresas nacionais e multinacionais, implantaram em seu programa de compliance o processo de PLD.

Com o avanço de tecnologias voltadas para a análise de dados, identificar e prever riscos ligados à lavagem de dinheiro dentro de empresas se tornou um processo dinâmico.

Neste artigo, separamos cinco dicas que irão aprimorar o seu processo de PLD.

A lavagem de dinheiro costuma deixar um grande rastro, mas engana-se quem pensa que é fácil de se identificar.

No Brasil, não há muitos dados estatísticos que evidenciem qual o impacto da lavagem de dinheiro no setor público e privado. Costumamos ter informações sobre o tema a partir de reportagens na TV e internet.


Indicamos o artigo: Como melhorar a gestão de processos com análises de dados?


No ano de 2012, foi criado um conjunto de regras com o objetivo de coibir a lavagem de dinheiro.

As regulamentações entraram em vigor no começo do ano de 2013 e foram publicadas pela COAF (Conselho de Controles de Atividades Financeiras).

Com a publicação das regras de prevenção a lavagem de dinheiro, empresas de qualquer porte e modalidade precisaram encontrar meios para se adaptar aos processos.

Por que introduzir um processo de PLD na minha empresa?

Em julho de 2012, foi sancionada uma nova lei de prevenção e combate à lavagem de dinheiro, a lei n° 12.683/12, que substituiu a lei n° 9.613/98.

Com essa nova sanção, surgiram algumas alterações que merecem um certo destaque. Umas delas é a delação premiada, que pode ser feita a qualquer momento, mesmo após a sentença penal.

Outro fator importante, é a elevação nos valores do teto das multas, de R$ 200 mil passou para R$ 20 milhões.

Todas essas alterações impactaram diretamente na forma como as empresas estruturam os seus processos de conformidade e com isso, obrigou as organizações a se adaptarem. Logo, as organizações buscaram por soluções tecnológicas a fim de estruturar e otimizar seus processos de PLD.

Afinal, estar em conformidade com as leis e regulamentos é essencial para qualquer empresa nos dias de hoje.


Recomendamos a leitura: Mitigação de riscos, 5 formas de reduzir a exposição da sua empresa.


5 dicas para utilizar a tecnologia no processo de PLD:

Com o intuito de se obter sucesso na otimização de processos voltados para prevenção à lavagem de dinheiro, é necessário ter em mãos a tecnologia certa.

É importante ter em mente que projetos como esse necessitam de investimentos. Nós falamos um pouco sobre isso nesse artigo.

Se você considera importante tomar uma boa decisão e ter uma pequena margem de erro, é preciso ter acesso às informações essenciais.

De uma forma humana, é quase impossível buscar informações em diversas bases de conhecimento de forma manual, por isso, a tecnologia escolhida precisa ser boa.

Com o uso correto da inteligência artificial, você terá acesso a um universo gigantesco de dados e informações, as quais serão fundamentais para:

1. Buscas nos diários oficiais:

Imagine buscar por qualquer termo relevante nos diários oficiais em âmbito nacional. Esta é uma tarefa bastante maçante.

Poder consultar em âmbito nacional, todos os processos de lavagem de dinheiro relacionados à uma pessoa jurídica em específico, pode contribuir para uma análise estatística relevante.

Os resultados obtidos poderão te orientar em processos de due diligence e background check. Dessa forma, suas decisões passam a ser tomadas com bases em dados e, principalmente, fatos!

2. Quadro societário de empresas:

Analisar o quadro societário de uma empresa é extremamente importante para a tomada de decisão.

Compreender as mudanças que ocorreram e analisar o perfil dos sócios pode dizer contribuir no entendimento sobre qual empresa seu negócio está se relacionando.

Partindo dessa análise, você poderá cruzar as informações desse tópico com o anterior e obter respostas que pautarão as suas decisões para prevenção à lavagem de dinheiro.

3. Consultar o histórico de participações societárias de uma pessoa física:

Para se obter insight precioso, um dos pontos mais relevantes de se fazer uma análise de participações societárias, é a oportunidade de identificar empresas laranjas.

Como sabemos, as empresas laranjas geralmente são utilizadas para lavagem de dinheiro.

Se você está lidando com uma pessoa que possui participação em diversas empresas laranjas, você provavelmente pode estar negociando com um criminoso.


Recomendamos a leitura do artigo: Participações societárias, por que é importante analisar?


4. Pessoas e empresas relacionadas

O universo que uma empresa está inserida deve ser levado em consideração.

  • Quem são seus fornecedores?
  • Quem são seus clientes?
  • Qual histórico de seus funcionários?

Podemos fazer uma série de questionamentos para entendermos o quão primordial o contexto de uma entidade é relevante para o processo de prevenção a lavagem de dinheiro.

Quer um exemplo interessante? Quem poderia imaginar o envolvimento do grande frigorífico com o presidente da república?

Viu como analisar pessoas e empresas relacionadas é importante e pode otimizar seu processo de PLD?

5. identificação de pessoas politicamente expostas:

Pessoas politicamente expostas é outro fator importante. Logo, conseguir acesso à informações de campanhas políticas, como saber quem é o financiador, é fundamental.

O governo brasileiro criou o ENCCLA (Estratégia Nacional de Combate a Corrupção e À lavagem de dinheiro) para regulamentar algumas obrigações ligadas ao sistema financeiro em relação a PEPs.

Você pode conferir nesse link uma descrição mais detalhada dessa situação.


Recomendamos a leitura: tudo o que você precisa saber sobre a lei de lavagem de dinheiro. 

Para montar um processo eficiente de prevenção à lavagem de dinheiro na sua empresa, é imprescindível conhecer os principais canais de acesso à informação.

Investir em tecnologia é um diferencial. Afinal, estamos notando que cada vez mais as áreas de conformidade estão adaptando os seus processos com análises de dados e informações relevantes.

Você pode conhecer a nossa plataforma upMiner e descobrir como os processos de PLD e KYC podem ser otimizados com uma tecnologia de ponta.


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.