Solicite um teste

Novidade no setor de infraestrutura de transportes: Selo Infra+Integridade

03 SET 2020

03 SET. 2020 / por Isadora Soliani

Selo Infra+Integridade: qual o motivo desta iniciativa? 

No final de julho de 2020, o veículo de comunicação Diário do Transporte noticiou que as empresas do ramo de infraestrutura de transportes com um programa estruturado de compliance serão premiadas com o “Selo Infra + Integridade”. 

Essa iniciativa tem como objetivo principal incentivar o setor a implementar a boa governança corporativa, tornando o mercado mais transparente e atrativo para investidores, parceiros e clientes. Afinal, nos dias de hoje com os inúmeros escândalos no país envolvendo grandes empresas em casos de corrupção, lavagem de dinheiro e fraudes é fundamental que exista o investimento em compliance, práticas de checagem de terceiros, controles internos e processos a fim de garantir o cumprimento das leis e boa conduta ética por parte de todos. 

Além desses motivos, a premiação é responsável por conscientizar as empresas do setor de infraestrutura de transportes sobre seu relevante papel na sociedade e no enfrentamento às práticas ilícitas. 

Novo caso fraudulento no setor que evidencia a necessidade de um programa estruturado de compliance: 

Hoje mesmo (03.09), a Polícia Federal deflagrou uma nova operação denominada Circuito Fechado para investigar um desvio milionário de cerca de quarenta milhões de reais, envolvendo o Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes, através de contratações fraudulentas. Este é apenas um exemplo dos milhares que existem para comprovar a necessidade de incentivos às práticas de compliance e boa governança corporativa. 

O que as empresas de infraestrutura de transportes precisam para ganhar o Selo: 

  • Elas devem ter contratado com a Administração Pública nos últimos 5 anos; 
  • Precisam trabalhar no setor de infraestrutura de transportes terrestres em obras de alto valor (estimativa de gastos superior a R$ 82,5 milhões); 
  • Têm de desenvolver boas práticas de governança, envolvendo integridade, ética, transparência, conformidade, responsabilidade social, sustentabilidade e prevenção à fraude e à corrupção; 
  • Se inscrever no período de 1º de fevereiro de 2021 a 30 de abril de cada ano. 

Melhores práticas para se evitar a corrupção, fraudes e outros atos ilícitos no setor:

Background Check – 

Uma dos processos mais presentes em organizações de grande porte e que serve para checar a idoneidade dos relacionamentos, evitando dessa forma possíveis riscos e prejuízos tanto financeiros, quanto em relação a reputação da marca.

Essa prática consiste em realizar uma verificação simples ou aprofundada de antecedentes criminais, comerciais e financeiros de pessoa física ou jurídica, através de seu CPF ou CNPJ, geralmente.

O Background Check é feito, através de fontes públicas e privadas que têm acesso à documentação cadastral, antecedentes criminais, processos trabalhistas, envolvimento em crimes e fraudes, entre outros.

Tal processo evita, por exemplo, que um indivíduo envolvido em lavagem de dinheiro seja contratado como executivo de uma grande empresa. 

Auditorias – 

São responsáveis pela averiguação, acompanhamento e controle das atividades de uma organização. 

Por meio delas, é possível avaliar se os objetivos estão sendo alcançados, se está havendo o cumprimento das leis e normas aplicáveis ao setor, bem como assegurar que qualquer tipo de desvio ou erros seja corrigido de maneira ágil.

Além disso, as auditorias têm a capacidade de avaliar problemas externos que possam ser prejudiciais à empresa em questão. Ou seja, elas são capazes de trazer mais segurança ao mercado como um todo, sendo de extrema importância. 

Canal de Denúncias – 

É uma ferramenta eficaz para detectar eventuais irregularidades, tais como: atos de corrupção, fraudes internas/externas, roubos, furtos e descumprimento de normas e políticas internas. 

Além disso, a adoção deste canal é capaz de incentivar os colaboradores a delatar qualquer tipo de irregularidade dentro da empresa de forma anônima e segura. Com isso, o ambiente de trabalho e a empresa como um todo se torna mais transparente e com um clima agradável. 

Mineração de Dados: essencial na automatização e melhoria das práticas acima

As plataformas e softwares de mineração de dados vêm ganhando cada vez mais espaço dentro das grandes empresas, pois são capazes de fornecer as informações necessárias para facilitar diversos processos que envolvem a coleta e análise de uma quantidade massiva de dados.

Background Check, Auditorias, Due Diligence, Processos de PLD (Prevenção à Lavagem de Dinheiro) e investigações em geral são alguns exemplos de práticas que costumam utilizar a mineração de dados para otimizar o tempo gasto em suas análises e tomadas de decisão.

Geralmente, as informações fornecidas por essas soluções são estruturadas e estão dispostas de uma maneira que facilita o entendimento do usuário, o qual poderá investir o tempo poupado em atividades mais estratégicas da área.

Economia de tempo, redução de custos operacionais, equipes mais enxutas, decisões mais assertivas e melhoria na produtividade das áreas de compliance e gestão de riscos são as principais vantagens trazidas pela mineração de dados no universo corporativo.

O upMiner

Realiza o trabalho de fornecer à equipes informações valiosas em formatos de relatórios analíticos, através dos aplicativos presentes na plataforma. Com isso, empresas conseguem otimizar seus processos de compliance, checagens, práticas investigativas, contratações e tomadas de decisões.

As fontes (mais de 1900) utilizadas pela solução são atualizadas e de extrema relevância, alguns exemplos são:

  • Boa Vista SCPC;
  • Receita Federal;
  • Cheques sem fundo (CCF);
  • Ocorrências nos Diários Oficiais;
  • Tribunais de Justiça;
  • Antecedente Criminal (Polícia Federal);
  • LexisNexis;
  • Dow Jones;
  • Dun & Bradstreet;
  • Entre outras.

Dentro da plataforma, dependendo do plano escolhido, existem mais de 16 aplicativos. Cada um possui finalidades específicas e são bastante intuitivos, o que facilita a busca pelas informações por parte do usuário.

Apps presentes na solução mais utilizados em checagens e práticas investigativas:
  • Balanço Patrimonial;
  • Bens e Imóveis;
  • Certidões;
  • Comparador Societário;
  • Diários Oficiais;
  • Dossiês;
  • upLink;
  • upMap;
  • upFlag;
  • Validador de RG.

Ao investir em uma plataforma como o upMiner é possível otimizar diversos processos de compliance e, dessa forma, alcançar os padrões de compliance exigidos para receber o prêmio Selo Infra+Integridade ou qualquer outro tipo de reconhecimento em relação ao tema.

Quer saber mais sobre os aplicativos e como a solução pode encaixar na área de compliance da sua companhia?

Entre em contato com nosso time do comercial e solicite um teste gratuito.

Impacto da análise de dados


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.